Buscar no Portal

09 de Março, 2017 às 09:41 Por: Vopaulo

Virgem mas safada

tags:
Esse conto possui 14981 visita(s).

Me chamo Renato e este conto aconteceu a um tempo atras com uma estagiaria de minha empresa uma menina meiga de 18 anos e foi contratada para me ajudar e aprender a função e está estagiaria era sobrinha de um Diretor e todos estavam com receio dela ser uma pessoa que estaria ali para nos vigiarmos, se chama Roberta bem meiga com um corpinho gostoso, peito pequeno uma bundo ha empinada e uma risadinha de safada.
Com o passar dos meses fomos pegando amizade e faxiamos brincadeiras de duplo sentido e ela sempre dava uma risadinha e eu brincava ai se te pego e ela dizia não pega pois so vou me entregar no casamento pois sonho com isso e eu sempre dizia mas nem namora não vai aguentar e ela ria.
Ate que um dia ela sem querer deixou o cel desbloqueado e fui olhar e vi varios filmes porno em seu cel e foto de homens, ai resolvi tentar algo e sempre soltava piadas e um dia ela me confessou que o maximo que ela chegou foi fazer uma chupeta ou oral e eu disse se alguem ja tinha chupado ela e ela disse que não mas via nos filmes e achava que seria gostoso, então logo me atentei a isso e pensei vou tentar e sempre fazia piadas neste sentido até que um dia ela aceitou sair comigo e fomos a casa dela pois estava sozinha os pais foram viajar e ela estava so no apto e compramos uma pizza umas coisas e chegamos e fui fazer uma caipirinha e ficamos tomando e conversando e ficamos altos e eu disse vou poder te chupar para vc sentir como é e ela riu e logo agarrei e nos bjamos, tirei toda roupa dela uma xana lisinha e rosada linda passei a mao e melada e chegava a escorrer e para minha surpresa ja comecou a me punhetar como louca e não largava e punhetava com a boca na cabeça do pau, chupando cada gota que saia e olhou pra mim como uma safada e disse dar eu nao dou mas chupo bem e quero leite. Fiquei doido de tesao e logo não aguentei e jorrei um jato que ela não deixou cair uma gota no chao e não parava de me punhetar, qdo a virei e vi aquela xana babanco e comecei a chupar a barriguinha e descendo para virilia e mordiscando e ela doida se retorcendo ate que comecei a chupar a sua xana passar a lingua la dentro e sentir ela gemer alto e gritinhos deliciosos, abria e metia a lingua la dentro e não demorou ela gozou de escorrer e me deixar com a boca melada de seu mel e veio e me bjou agradecendo pois numca sentiu nada igual e não deixou eu a comer. Depois disso a chupei mais umas 3 vezes e ela me masturbava ate na empresa mas logo ela saiu da empresa e perdemos o contato.

Mulheres afim de aventura ou ser chupada so me falar sou de sp capital [email protected].

Comentários

Ainda não há comentários para esse conto.