Buscar no Portal

FAMOSAS

Karina Lemos

Karina Lemos

A famosa anãzinha gostosa do "Pânico na Band".

45433 Visitas | Favoritar | Todos | Fotos | Vídeos | Notícias

Vídeo




Foto




Notícia

"Anã mais sexy do mundo", brasileira é destaque na imprensa inglesa

Karina Lemos tem mais de 35 mil seguidores no Instagram e posta fotos bastante sensuais na rede social

Ela ainda não é tão famosa no Brasil, mas já ganhou o status de "anã mais sexy do mundo". Tanto que, com 1,22 metros de altura, a atriz e dançarina Karina Lemos virou destaque até no exterior. O diário inglês "Daily Mail" fez uma reportagem contando um pouco a trajetória da moça, que faz aparições no programa "Pânico", na TV Bandeirantes.





A publicação destaca que Karina tem "um exército de mais de 35 mil seguidores em sua conta no Instagram", e que ela se tornou um sucesso postando fotos e vídeos do seu cotidiano, quase sempre com tops decotados e chamativos, garantindo que não tem nenhum trauma por conta do seu tamanho.

"Eu tenho muito trabalho para deixar meu corpo em forma. Eu sei que as pessoas me acham atraente, muitos homens me dizem isso", destaca a anã na matéria do jornal.





Notícia

"Os caras olham e comentam 'que anã gostosa'", diz Karina Lemos do "Pânico"


A bancária Karina Lemos, 26 anos, viu sua vida mudar completamente após sua primeira aparição no "Pânico da Band", em fevereiro deste ano. Casada, mãe de um menino de 6 anos, a anã mais sexy da TV, que fez sucesso no quadro "Ixxxkenta" ao sensualizar com figurinos provocantes, disse que o assédio masculino aumentou e que está tensa com a possibilidade do fim da sua participação no humorístico. Ela não é contratada, recebe cachê por participação e está há mais de duas semanas sem ser convidada para gravar o programa.

"Se eu pudesse eu largava tudo para trabalhar só na TV, é impressionante como as portas se abriram para mim. Fiquei chateada com o fim do quadro porque me acostumei com o carinho das pessoas, do público que me reconhece, isso sem contar que nos lugares você recebe outro tratamento. Queria ser uma panicat, se me contratassem ia fazer plástica na barriga, seios e coxas", conta ela, que não tem medo de ficar esquecida como alguns outros participantes do "Pânico", entre eles, Charles, Zina e Gorete.

"Se eles realmente gostaram do que fiz durante esses meses que estive lá, vão me chamar para outros quadros", acredita Karina. O UOL tentou contato com o "Pânico" mas não teve retorno para confirmar o fim do quadro, que foi substituído pelo "The Coice", sátira do global "The Voice".

Karina acredita que ela desperta um fetiche nos homens, e que no início o marido ficou inseguro. "Ele ficou bastante ciumento, depois ele apoiou, disse 'sei que você é minha'. Mas os caras olham mesmo, comentam 'que anã gostosa, que anã linda', já me acostumei", garante ela, que já recebeu propostas indecentes de alguns homens.

"Falam que sou uma anã diferente, muito mais bonita, já recebi e-mails de alguns homens me oferecendo R$ 10, R$ 20 mil para sair, mas eu amo o pai do meu filho e sou feliz com ele", garante.

Karina conta que não teria problema em posar nua e que tem vontade de fotografar para uma revista masculina. "É um sonho meu, é um trabalho bonito. Faria tranquilamente e, se o dinheiro desse, compraria uma casa para mim e ajudaria meus pais. Antes ficava muito preocupada com a opinião dos outros, agora penso mais em mim".

Enquanto novas oportunidades não surgem na TV, Karina continua cumprindo sua rotina de trabalho no banco e pretende se preparar para futuros projetos.

"Espero que eles me chamem para um quadro fixo, é uma casa que todos tratam muito bem. Pretendo começar a malhar ano que vem para manter o corpo em forma, fazer plástica e crescer profissionalmente. Ano que vem termino a faculdade de Gestão de Recursos Humanos e pretendo começar a de Rádio e TV".

Preconceito na infância

Se atualmente Karina recebe elogios por onde passa, no passado não foi bem assim, e a morena conta que já foi vítima do preconceito por conta do nanismo.

"Algumas pessoas sabem que é uma deficiência, outras não. Quando eu era criança, sentia vergonha por ser a única pequena na família, já que meus pais e irmãos são grandes. Mas estive na psicóloga e não tenho do que reclamar, sempre tive tudo. Fui a mimadinha da casa, mesmo assim trabalho desde os meus 18 anos para me sustentar. Já trabalhei em hospital, financeira, sempre corri atrás. Antigamente eu sofria preconceito, hoje as coisas melhoraram bastante e sou reconhecida em muitos lugares e chamada de linda".

Referência

Após a sua aparição no "Pânico", Karina passou a ser procurada por outras mulheres com nanismo que pedem dicas de beleza e de roupas. "Amo maquiagem, gosto de me cuidar, tratar do cabelo e adoro sapatos. Às vezes olho uma pequena na rua e tenho vontade de dar uma opinião, mas fico na minha. Mas eu gosto de dar dicas. A Rosinha Araújo, que faz a filha da Regina Ralé no "Ixxxkenta" é uma, brigo com ela e falo: 'vamos botar uma roupa mais bonita, uma maquiagem". Sou vaidosa, gosto de ficar sempre bonita."


Foto


1