Buscar no Portal

07 de fevereiro, 2018 às 15:49 Por: altasaventuras

Seu Carlos, um senhor delicioso!

tags: amigo, corno, trabalho
Esse conto possui 3294 visita(s).

Ola, o que vou contar aconteceu recentemente comigo, sou Valentina, tenho 35 anos, 15 anos que sou casada com Matheus, tenho 1,55m (baixinha), cabelos encaracolados ate o ombro, morena, olhos verdes, bundao, seios medios bem durinhos e os bicos bem escuros, xaninha capo de fusca.
Sou feliz em meu casamento, temos 2 filhos lindos, Matheus faz de tudo para me satisfazer na cama.
Na empresa que trabalho entrou a administracao seu Carlos, um senhor de 60 anos, moreno, alto e muito educado. Tenho acesso direto a sua sala, pois sou secretaria e atendo este setor administrativo, assim pegando amizade com ele. Depois de um tempo relatou que comprou um sitio na cidade vizinha, que estava muito sozinho e precisava de pessoas para conversar e convidou eu e meu marido para passar o final de semana no sitio.
Combinamos entao de ir no proximo que seria feriado. Chegamos la e fomos recebidos com muita alegria por ele, nos levou para dentro da casa, nos acomodou em um quarto e fomos para cozinha, havia uns aperitivos e comecamos a beber umas cervejas. Nossa, parecia que ele e meu marido ja se conheciam de tao bem que estavam.
Estava um calor insuportavel e resolvemos ir para piscina, entao fui me trocar. Chegando na piscina os dois estavam dentro da agua, ao tirar a toalha, os dois vidraram os olhos em mim, havia colocado um biquini branco bem pequeno, em cima mau tapava os bicos dos seios, deixando parte da aureula a mostra, e em baixo entao, atras era um fio e na frente a racha de minha buceta era visivil.
Tambem entrei na piscina e ficamos ali, conversando e bebendo, e as vezes eu nadava um pouco e algumas vezes ao me mexer os bicos dos meus seios ficavam totalmente a mostra, deixando eles verem, me fazendo de descuidada. Eu estava morrendo de tesao e notei que os dois tambem estavam.
Seu Carlos disse que ia preparar algo para nos comermos e ao sair da piscina deu pra ver seu pinto durinho, nossa, estava toda melada.
Meu marido se aproximou e me perguntou que estava acontecendo, pois eu estava diferente, usando aquele biquini minusculo, havia deixado os seios de fora varias vezes. Entao falei que estava com muito tesao com a situacao, e que estava louca para transar, nisso enfiei a mao dentro de sua sunga, pegando em seu pinto e fui acariciando. Ele tirou meu peitos pra fora e comecou a chupar. Nossa que tesao, e devagar fui chegando perto de deu ouvido e na cara de pau pedi pra ele me liberar para Seu Carlos. Ele gritoi se eu estava louca. Respondi que sim, louca de tesao por aquele pau negro.
o Tesao estava grande, todos ja meio bebados de tata cerveja, e para meu espanto ele disse sim, mas com a condicao que ele ficria espiando para ver a reacao dele.
Entao saimos da piscina e fui para cozinha, chegando la, Seu Carlos estava na pia cortando alguma coisa, cheguei bem devagar e o abracei por tras. Ele assustou, mas segurei ele assim, e enfiei uma das maos dentro da sua sunga, agarrando aquele pinto, estava mole, mas fui acariciando e rapido ficou uma tora. Ele estava com medo do meu marido, mas o acalmei dizendo que estava tudo liberado.
Ele se virou e me agarrou, me dando um beijo delicioso, tirou meus peitos para fora e caiu de boca neles, chupava loucamente.
Vi meu marido espiando na janela, aquilo me deu mais tesao ainda, me abaixei e tirei sua sunga, e cai de boca naquele enorme pinto, chupava inteirinho. Seu Carlos gemia de tesao. Tirei meu biquini, ficando toda exposta pra ele, me colocou deitada na mesa chupando minha buceta depilada e depois de tanto lambuzar enfiou seu pinto nela. Era um pau enorme, parecia que ia me rasgar inteira. Eu gritava de tesao, nossa que delicia.
Gozei muito, mas muito mesmo. Fiquei de quatro e abri bem meu cuzinho, pois queria fazer o servico completo, mas quase nao aguentei de tanta dor, ele gozou muito no meu cu.
Peguei ele pela mao e fui ate a piscina onde meu marido estava, mostrar o que seu Carlos tinha feito comigo, estava toda lambuzada de porra, meu marido tirou seu pau pra fora e pediu para que senta-se nele. Obedecendo meu amor me sentei, enterrando seu pinto em minha buceta, enquanto isso Seu Carlos batiu uma punheta na nossa frente. Foi uma delicia, pois fizemos sexo a tres, onde chupei dois pintos deliciosos e fui duplamente penetrada.
Naquele final de semana passamos os tres sem colocar roupa alguma, pois hora era um me comendo, hora era o outro e na maioria eram os dois. Fiquei ate assada da surra que levei na buceta.
Agora quando temos oportunidade, Seu Carlos e eu transamos ate no trabalho, mas isso com total autorizacao de meu amor e sempre vamos ao sitio fazer nossas festinhas a tres.
Eu adoro ser fudida por esses dois!

Comentários

21 de fevereiro, 2018 às 05:17
querocasadas
nossa adorei meu nome é nilton sou casado mas esposa nâo participa, muito paradona, meu e-mail querocasadas64@hotmail.com entre que eu te mostra as minhas fotos!!
19 de fevereiro, 2018 às 23:20
Anamel
Olá sou casada e tenho vontade.anacristina_mani@gmail.com
11 de fevereiro, 2018 às 18:23
Nepiqueno
Muito bom esse conto.... queria que minha esposa tivesse essa atitude

1